segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

“Evite acidente, faça tudo de propósito.”

Num livro já citado anteriormente neste Blog a escritora Betty Milan cita a frase acima, de autoria de um gênio da publicidade brasileira – Carlito Maia. Brilhante e de uma infinidade de aplicações. Os tarados da área de segurança logo se apropriariam da mesma para estampá-la nas camisetas da próxima SIPAT. Quem leu o livro saberia que não foi esta a intensão da autora. Eu confesso que ao me deparar com esta frase tive uma sensação estranha, certo incômodo mesmo. De que acidente trataria a autora? Então mais adiante na leitura descobri a dimensão e o propósito da escritora. Quantas coisas em nossas vidas acabam dando errado – acontecendo exatamente como não gostaríamos ou como prevemos ao agir? Passaríamos uma tarde relacionando-as não é verdade? Explicações temos aos montes. Faltou planejamento, imprevistos acontecem, não foi o melhor dia, não era vontade de Deus (até isso temos coragem de pensar e às vezes verbalizar mesmo). Aqui parei para refletir um pouco – interrompi a leitura para pensar; isso é bom às vezes. Acidente: Um acidente é um evento inesperado[1] e quase sempre indesejável[1] que causa danos[1] pessoais, materiais (danos ao patrimônio), danos financeiros e que ocorre de modo não intencional. Ah, agora sim perece que vamos chegar lá. Intenção e propósito são palavras que deveriam sempre caminhar juntas quando vamos empreender qualquer ação e ou projeto. Que sabedoria da autora ao juntar acidente e propósito. Amigos, na maioria das vezes nos lançamos em algum projeto sem termos uma definição muito clara do quanto acreditamos e trabalharemos para o resultado; do quanto estamos dispostos a nos empenhar pelo êxito daquele projeto. Evitar acidente e fazer tudo de propósito é colocar todas as nossas energias, conhecimento e garra em prol do resultado. Não admitir que um “acidente” possa ocorrer. Agora enchergamos a abrangência da frase; em tudo ou quase tudo na vida se aplicaria a recomendação; desde a travessia de uma rua movimentada até quem sabe a abertura de uma empresa ou ainda uma viagem dos nossos sonhos. Enfim, fica então a sugestão; doravante faremos tudo ou quase tudo de propósito e seremos mais felizes e bem sucedidos.

Nenhum comentário:

Poverello de Assis

Oração de são franscisco



Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz !Onde houver ódio, que eu leve o amor, Onde houver ofensa, que eu leve o perdão, Onde houver discórdia, que eu leve a união, Onde houver dúvidas, que eu leve a fé, Onde houver erro, que eu leve a verdade, Onde houver desespero, que eu leve a esperançaOnde houver tristeza, que eu leve a alegria, Onde houver trevas, que eu leve a luz. Mestre, fazei que eu procure mais consolar que ser consolado, compreender que ser compreendido, amar que ser amado, Pois é dando que se recebe é perdoando que se é perdoado e é morrendo que se vive para a VIDA ETERNA !


Esta oração foi feita após o pedido de clemência do papa Inocêncio III "arrependido" pelas cruzadas e muito enfermo. Francisco, duvidando de seu arrependimento, fora chamado a atenção pelo Pai pedindo piedade ao agonizante. São Francisco atendeu o pedido, admitindo humildemente sua ignorância.

Às vezes nos limitamos a reclamar da vida - vejam um exemplo de superação.

Loading...
Ocorreu um erro neste gadget