sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Receituário Eleitoral - Como Ganhar Uma Eleição

1. Trate o eleitor sempre pelo nome;
2. Não se preocupe com a sua formação intelectual;
3. Sorria sempre; mesmo que esteja sentindo dor;
4. Abrace todos que encontrar pelo caminho;
5. Para as crianças, beijos, abraços e colinho;
6. Seja generoso. Invista no seu eleitor ( camisetas, canetas, ambulâncias, caixões, dentaduras, laqueadura de trompa, etc );
7. Vote em você mesmo – não se esqueça;
8. Prometa sem se preocupar com a cobrança, pois os eleitores nunca cobram;
9. Evite sempre que possível os debates, pois serão sempre um risco;
10. Leve sempre contigo uma “colinha” – o eleitor adora números; nem precisão estar certos;
11. Não exite em mudar de parceiro a qualquer momento;
12. Coma tudo que lhe oferecerem, repita e agradeça;
13. Evite os jornalistas, eles só atrapalham. Perguntam demais;
14. Nunca dirija seu próprio carro – tenha sempre um motorista;
15. Vista-se de forma simples;
16. Mande retocar suas fotos – cinco ou seis anos a menos renderá alguns votos;
17. Reze todos os dias para que lhe joguem algo na cabeça, pois isso poderá te render muitos votos;
18. Nas visitas as obras não exite em por a mão na massa ou no petróleo;
19. Cuidado com os aposentados, contrariá-los poderá ser fatal;
20. Se for convidado para ser padrinho nunca rejeite;
21. Somente acredite nas pesquisas se você estiver na frente;
22. Munido de uma grande sacola visite as grandes construtoras, será muito bom;
23. Lembre-se sempre; você não é contra nem a favor muito pelo contrário;
24. Se eleito não procure mais o eleitor somente o incomode daqui a quatro anos;
25. Se eleito, invista agora em você – quatro anos passam rápido;
26. Até a próxima eleição!
Nota: Se você tem alguma sugestão envie que eu colocarei aqui. Desde já fico muito grato!

Nenhum comentário:

Poverello de Assis

Oração de são franscisco



Senhor, fazei-me instrumento de vossa paz !Onde houver ódio, que eu leve o amor, Onde houver ofensa, que eu leve o perdão, Onde houver discórdia, que eu leve a união, Onde houver dúvidas, que eu leve a fé, Onde houver erro, que eu leve a verdade, Onde houver desespero, que eu leve a esperançaOnde houver tristeza, que eu leve a alegria, Onde houver trevas, que eu leve a luz. Mestre, fazei que eu procure mais consolar que ser consolado, compreender que ser compreendido, amar que ser amado, Pois é dando que se recebe é perdoando que se é perdoado e é morrendo que se vive para a VIDA ETERNA !


Esta oração foi feita após o pedido de clemência do papa Inocêncio III "arrependido" pelas cruzadas e muito enfermo. Francisco, duvidando de seu arrependimento, fora chamado a atenção pelo Pai pedindo piedade ao agonizante. São Francisco atendeu o pedido, admitindo humildemente sua ignorância.

Às vezes nos limitamos a reclamar da vida - vejam um exemplo de superação.

Loading...
Ocorreu um erro neste gadget